Mas como identificar quando estamos sendo atacados?

Fadiga excessiva, dores de cabeça intermitentes, calafrios, tonturas, perturbações no apetite, dores inexplicáveis, perda de memória, tristeza, depressão, ansiedade, medo de ficar sozinho e outros medos inexplicáveis, sensação de ser observado ou atacado, pesadelos,insônias etc.
Olhar vazio ou vidrado, passam a impressão que esta fora de si ou em consciência alterada, podem ser pessoas com problemas sérios, drogas ou mesmo problemas mentais e psicológicos, essas pessoas estão desligadas de sua fonte de sentimentos por isso estão sujeitas a ataques psíquicos.

ATAQUE MENTAL

O ataque mental é aquele que age diretamente nos nossos pensamentos.
Se você está passando por um momento delicado em sua vida e tem coisas que estão mal resolvidas ou ainda coisas que podem ou não dar certo. O Obsessor age favorecendo seus pontos fracos. Aproveita-se de sua insegurança ou de seu medo nutrindo negativamente seus pensamentos a tal ponto, que de fato, as coisas acabam dando errado. Mas na verdade elas não deram errado por causa disso ou por causa daquilo, ela acabou dando errado simplesmente porque você acabou por ficar tão envolvido energeticamente com aqueles “medos” que atraíram um processo vibratório de mesma intensidade, seguindo uma ordem natural de familiaridade energética. Isto é: você foi responsável, de uma forma ou de outra, pelas coisas que você atraiu.
Aí você pode perguntar: – ah! Mas e o Obsessor que me “persegue”, o obsessor se aproveita da energia que você está despendendo em maus pensamentos – porque ele também é responsável pela própria condição e precisa se nutrir de alguma forma. E então ele te encontra… num rodamoinho de pensamentos… e vários deles justamente como os que ele precisa, ou como ele mesmo os têm.
Como efeito deste tipo de perturbação, pode-se exemplificar: ruminação mental, pensamentos repetitivos, pensamentos negativos, pessimismo, insônia ou excesso de sono, pesadelos, irritação sem cauataque-mental-vobsa aparente, falta de concentração, mudança repentina de humor, depressão, tristeza profunda, etc.
O nosso campo áurico, revela através de sua cor e de seu tamanho o nosso estado energético, porém apenas naquele dado momento em que se está fazendo a análise, ou no momento em que um vidente a encontra. Sofremos alterações energéticas a todos os momento e por isso é muito importante a vigia constante e principalmente o autoconhecimento para sabermos interpretar e saber o que está acontecendo conosco em determinado momento.
O pensamento produz energias que podem ser positivas ou negativas. A bondade, o amor, a harmonia erguem naturalmente proteções e defesas em nosso campo áurico.
Simplesmente pelo fato de que não nos atinge aquilo que não está vibrando no nosso nível.
Não faria sentido se eu explanasse esses pontos sem pelo menos sugerir alguma defesa.
Primeiramente, é totalmente imprescindível vigiar e cuidar daquilo que pensamos e principalmente de como pensamos, temos que estar atentos às nossas reações e aos nossos comportamentos e sensações.

A pessoa é aquilo que ela pensa que é. Se você achar que uma coisa vai dar certo, ou que ela vai dar errado, nas duas situações você estará correto. O nosso maior poder energético está no pensamento. Cuidado com aquilo que você pensa. Se você pensar que é suscetível à energias negativas e que elas te perseguem onde quer que você vá… esteja certo disso, porque é isso o que acontecerá mesmo que você possua uma estrutura energética menos suscetível . Por isso é importante sobre tudo ter bons pensamentos, “ser otimista” e não “ter otimismo”- é diferente… Acreditar que coisas boas estão reservadas para você e que a cada momento você está mais preparado para recebê-las. Por mais dificuldades que você esteja enfrentando, imagine sempre que a solução está vindo e que você está superando tudo e se tornando uma pessoa cada vez melhor, e melhor… E que tudo dá certo no final… e se ainda não deu… é sinal que o fim ainda não chegou!!! Se mesmo assim pensamentos negativos invadirem sua mente procure desviar este fluxo. Se a questão envolvida é emocional, analise sob o ponto de vista racional, e se a questão forracional, analise sob o ponto de vista emocional. Desta forma você estará quebrando um círculo vicioso e não ficará se cobrando por algo que fez de uma forma e não de outra. Manter o equilíbrio nos polos cerebrais (Hemisfério direito – emocional e Hemisfério Esquerdo – racional) para tirar uma conclusão é a melhor maneira de não gerar culpa e nem culpados. Lembre-se também que você é o responsável pelas suas atitudes pois são resultados dos seus pensamentos. Mantendo este equilíbrio mental, com certeza fica mais fácil manter o equilíbrio energético áurico.

ATAQUE EMOCIONAL

O ataque emocional é aquele que age diretamente em nossas emoções. O obsessor, percebendo ou não sua susceptibilidade aos pensamentos, parte então para o ataque emocional de forma a desestruturar as emoções, envolvendo seus sentimentos com rancor, repulsa, ódio, desconfianças, etc…
Por exemplo: Você encontra seu namorado(a) e ele lhe diz que se atrasou por algum motivo. Logo, o obsessor vai se aproveitar desta situação para enriquecer sua imaginação, despertando sentimentos de ciúmes, desconfianças e raiva. Mesmo que a pessoa em si lhe dê bons motivos e que você normalmente acreditaria, principalmente porque confia e ama esta pessoa, vai acabar sendo inundado por sentimentos que parecem vir de fora. E então você se pega discutindo e brigando até mesmo sem motivos, levado apenas por emoções negativas e que de fato você nem saberia explicar de onde veio.
Esses ataques provocam discussões, mal entendidos, dificuldades financeiras, perda de emprego, etc… Em seguida você acaba dominado por sentimentos de culpa, e transforma-se num círculo vicioso.
A maneira adequada a se proteger desses ataques é a mesma do item anterior. Estar atento e se conhecer bem. Saber exatamente quais são seus sentimentos e perceber as influências quando elas estão tentando se infiltrar nas lacunas que nós deixamos.

ATAQUES FÍSICOS

Os ataques físicos são diretos, simples e objetivos. Normalmente utilizados por obsessores brincalhões ou que querem chamar a atenção de qualquer jeito. uma vez que você, supostamente, não permitiu seu acesso através de seu campo áurico. Então começam as brincadeiras. Mexe em cortinas, tropeções e outros pequenos incidentes.
O básico é tentar compreender o que esse incidente tem a lhe dizer. Tente compreender seu ritmo e seu caminho. Fique atento a todos os detalhes possíveis, mas não impressione-se com esses fenômenos, se podemos chamar assim. Dirija um pensamento amoroso e o distancie de seu círculo. Você não pode ajudá-lo, existem lugares próprios para isso, então peça que ele encontre um mentor iluminado e que o acompanhe. Não fique prisioneiro dos obsessores. Liberte-se. Por mais fenômenos que eles queiram mostrar seu poder, nenhum deles é suficiente forte para te atingir, a menos, lógico, que você permita. Acredite em você, acredite na força impulsionadora do Universo, independente de religião, é importante você acreditar num Ser superior, acredite nele, tenha fé e pratique, faça sua parte, que o Universo faz o restante. Ataques Através das Larvas Astrais (Elementares)Existe uma infinidade de processos, técnicas e métodos de defesa bioenergética e espiritual e com certeza absoluta a melhor, mais eficiente e mais eficaz de todas é uma boa conduta diária, regada de bons pensamentos, sentimentos e energias fraternas e assistenciais até nos mínimos detalhes.

ataques-fisicosA despeito disto, nossas falhas, fissuras, dívidas kármicas ou existenciais são um fato, e necessitamos em nossa fase evolutiva de desenvolver técnicas para poder viver bem, atenuando os assédios ou obsessões espirituais. Quando você se sentir extremamente sobrecarregado, encoste-se de costas à uma árvore e a abrace “por trás” e fique assim por alguns minutos, o suficiente para sentir-se melhor, não exceda muito tempo, você pode ter uma descarga excessiva e sentir-se fragilizado;
Ao contrário, quando você se sentir esgotado, cansado, exausto, triste, melancólico, deprimido, sem forças… abrace a árvore de frente… por alguns minutos, não muito também, se caso exceder o tempo e vier a ter febre ou qualquer outro sintoma desconfortável, tome uma ducha rápida, fria. Enquanto abraça a árvore.
Sinta seu Chakra cardíaco inflando de energia amorosa e carinhosa, sinta-se fortalecido e energizado, com capacidade de amar e aceitar as coisas individualmente, sinta o poder da Natureza e o amor a si mesmo; Você também pode andar com os pés descalços e fortalecer seus laços com a Terra (na areia da praia, na grama de casa, do parque, na terra, qualquer lugar, desde que seja solo nu, sem piso ou qualquer outro revestimento artificial ou sintético – o que pode aumentar ainda mais sua energia estática e te proporcionar ainda mais irritação e nervosismo, trocando energias através dos seus Chakras secundários dos pés que levam energia diretamente para seu chakra básico, esse é seu contato de equilíbrio com a vida e o momento. Quando você se harmoniza através do contato dos pés com o Solo nu, você se sente a vontade na vida, sente força nos seus objetivos e vontade de viver, além de alimentar seu “instinto natural”;
O contato com a Natureza, é sentir, ver e ouvir o que ela está nos passando. Quando se propuser a andar no solo com os pés descalços, sinta, leve sua consciência para este contato. Quais as sensações despertadas, analise e entregue-se a esse momento único. Quais as recordações que são afloradas, quais as sensações despertadas, qual a temperatura do solo, dos seus pés, qual a textura, como você sente o atrito e o movimento… Perceba também o céu, ouça o vento, veja as flores, as árvores… Inspire profundamente o dourado do Sol, o verde das plantas, o azul do céu… Inspire cada cor uma de cada vez, imagine como se essas cores associadas às paisagens, pudessem ser sorvidas pelo nariz e absorvidas pelo seu corpo, indo para cada célula e deixando cada célula com aquela cor.

Faça isso com uma cor de cada vez Fonte de amor, inerente em cada ser vivo:
O amor é inerente a cada ser vivo. Desde as plantas, animais até minerais.
A Natureza, é amorosa em todos os sentidos e nos oferece amor de várias formas.
Nós é que temos que entrar em harmonia com ela, nós é que abusamos e a destruímos.
O Universo infinito também tem poder para nos auxiliar na defesa energética.
A segunda melhor técnica é ter um bom coração muito cheio de amor. Quem tem verdadeiro amor no coração, não tem grandes problemas. Tudo está no seu lugar, tudo está justo e perfeito e cada um tem o que merece e não é culpa de ninguém a não ser de si próprio.

É conveniente esclarecer que todo assédio, obsessão, encosto ou o nome que se queira dar (não importa) é responsabilidade do assediado ou obsidiado, aquele que parece ser a vítima inocente no processo. Apenas parece, pois no passado fomos algozes e hoje somos vítimas. Abençoada seja a justiça kármica regida pela cosmoética a nos fazer aprender a terminar a “lição de casa”.

Estas técnicas são altamente recomendáveis a pessoas que estão em processo de recuperação tentando sair do vício em qualquer instância, servem de apoio logístico secundário, pois todo viciado é um obsidiado. O mesmo é válido para pessoas em processo de possessão e outros estados alterados da consciência no sentido patológico. De forma geral estas técnicas podem ser utilizadas por qualquer pessoa sadia também, não fará mal nenhum e nem há contra-indicações.

Isto não é muleta?

Sim isto é muleta! Até que ponto uma muleta ajuda e até que ponto uma muleta atrapalha? Você que é um “sabidão consciencial” pode responder a si próprio! A muleta pode ser sua salvação ou sua desgraça. O que não pode haver é preconceito gratuito. O corpo é uma muleta, a reencarnação é uma muleta, tudo é uma muleta. O que define o que é bom ou ruim para si é você mesmo. A mutela pode servir para um impulso consciencial, mas não deve uma consciência ficar dependente dela. Lembre-se: até as muletas evoluem! E é preferível uma pequena muleta do que uma grande muleta.

Muito bem, chega de conversa e vamos as técnicas. Existem uma infinidade de técnicas, orações, mantras, meditações, visualizações, amuletos, mandingas, magias e trabalhos bioenergéticos que são mais antigos que o próprio homem na terra e cada linha espiritualista se afiniza mais com umas ou outras, então concluo que não existe a melhor ou pior, mas sim a que você se afinizar mais ou achar mais fácil e prático de realizar.

Todo nosso trabalho é universalista, sem vínculo, obrigação ou propaganda comprometida com qualquer instituição ou religião. É um trabalho livre, independente e corajoso.

Se você não pode ou não deseja ajudar, por mais craque que você se considere, deixe-nos fazer nosso trabalho, que é feito com menos técnica e mais coração, humildade e vontade de aprender e ensinar.

As técnicas estão listadas sem qualquer ordem de importância.

Força de Vontade – A primeira técnica a saber é que não existe nenhuma delas baseada na preguiça, tudo dá trabalho e exige esforço e dedicação, então técnica número um: Força de Vontade!

Luz no Coração – Imagine uma pequena bola de luz dourada, brilhante e intensa dentro de seu peito, permeando seu coração. Mentalize ela de forma que fique o mais nítida, forte e real possível. Quando estiver bem firme e segura a mentalização, vá expandindo, aumentando seu tamanho e poder energético vagarosamente, pensando nas palavras: PAZ, AMOR e LUZ o tempo todo. Você pode dar seu toque pessoal, e até deve, eu gosto de mentalizar além destes mantras também as palavras: Jesus Cristo em Meu Coração!

Mobilização Básica de Energia MBE – A próxima técnica é um pouco mais difícil de explicar, embora seja fácil de fazer. Imagine uma grande bola de luz dourada no alto de sua cabeça. Ela vem descendo e permeando devagar seu corpo num movimento vertical. Ela desce até os pés. Uma vez embaixo, sobe novamente e continua neste ciclo de sobe-desce constantemente. Quanto mais forte e intensa for esta luz e mais veloz e firme a movimentação, mais protegido você estará. É chamada de MBE ou Mobilização Básica de Energia. Este exercício quando bem desenvolvido leva a um nível de vibração das bioenergias altíssimo chamado EV ou Estado Vibracional.

Mantras – existem diversos mantras com as mais diversas finalidades, deste a defesa espiritual até a compaixão.
Evocação ao Círculo Mágico – convém recitar mentalmente com uma concentração mais forte e nítida possível com bastante realce nas cores: “Eu sou um poderoso círculo mágico de proteção e irradiação da mais pura energia eletrônica, só impregnado do mais puro amor divino e poder construtivo. Dentro deste círculo eu sou inatingível, sou inabalável e sou invulnerável”. Enquanto você estiver recitando, o que recomendamos fazer várias vezes ou quantas necessárias, você tem que criar mentalmente uma elipse de luz vermelha te envolvendo. Em volta desta elipse uma outra maior na cor laranja, em volta desta uma maior na cor amarela, em volta desta uma maior na cor verde, em volta desta uma maior na cor azul real ou azul claro, em volta desta uma azul marinho e por último envolvendo-a uma elipse maior de todas na cor violeta. Não é versinho ou prosa é uma concentração feita com esforço e vontade e visualização criativa.

Esta prática pode ser estendida para toda uma casa ou ambientes que você desejar, basta que mentalize o círculo em volta do ambiente.
infelizmente ninguém está a salvo do stress, da raiva, de preocupação, do cansaço por excesso de atividade ou responsabilidade. Pois nestes momentos de desequilíbrio emocional é quando o sistema imunológico diminui e afina sua aura. A aura, que é a proteção espiritual do corpo físico, de vez em quando fica débil, fina e esburacada, cheia de manchas. É justo nestas horas que os ataques psíquicos podem tornar sua vida um calvário.
Estar consciente de que existe o bem e o mal, independente de que você não faça maldade a ninguém, é uma forma de estar atenta a certos sintomas que indicam que você está com algum malefício.
Vigiar e orar sem parar esta e a receita maior de Jesus.

Estou compartilhando está ótima leitura que tem me ajudado muito. Espero que te ajude também, deixe um comentário no final de sua leitura.

 

One thought on “Mas como identificar quando estamos sendo atacados?

  1. Good site! I truly love how it is easy on my eyes and the data are well written. I’m wondering how I might be notified whenever a new post has been made. I have subscribed to your RSS which must do the trick! Have a nice day! “You can discover what your enemy fears most by observing the means he uses to frighten you.” by Eric Hoffer.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *